Nosso Blog

Pontes para Inovação: Sua Contribuição e Desafios

Há anos, temos visto que “na próxima década a Inteligência Artificial substituirá empregos”. Então, mexa-se. Elabore o problema que você quer resolver, escreva, avalie e participe.

Não é um trocadilho, mas nosso atual ministro tem executado algumas iniciativas para o fomento em P&D e Inovação no país para diversos setores. Embora nem todas são aplicáveis à startups ou pequenas empresas, são iniciativas que buscam, por meio do fomento ou financiamento aumentar o fluxo econômico, a oportunidade de gerar novos produtos e serviços e estimular a Pesquisa, Inovação e, claro, a economia. Recentemente, o MCTI divulgou a liberação de R$43,1 milhões para o Programa RHAE Pesquisador na Empresa a ser executado pelo CNPq/MCTI com objetivo claro de apoiar a inserção de cientistas em empresas.
Bom, vejamos os números. O Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE) publicou o Relatório Estatístico geral de Mestres e Doutores – 2019, onde o país formou em 2017 21.607 Doutores, comando todas as áreas do conhecimento. Um número ainda muito pequeno, porém, mais que o dobro de dez anos antes. De outro lado, a Agência Brasil informou que em 2020 o Brasil possuía 19.907.733 empresas ativas. Perguntas devem ser feitas, mas a resposta está com você. Acompanhe.
Para se beneficiar de um edital de fomento Empresas de serviços, varejo e indústrias de qualquer tamanho devem seguir certos critérios e, muito importante, acompanhar, selecionar e elaborar o projeto conforme edital publicado. Quase uma receita de bolo!
O leitor deve estar se perguntando, ” tudo bem, mas como eu posso me beneficiar de um edital ou de iniciativas de apoio às PMEs?” 
Pois bem, o que pouca gente sabe ou, de fato, se interesse, é que você, empreendedor, pode muito bem submeter um projeto para estes editais. Basta, primeiro, ter uma boa ideia.
Muitos alunos e clientes me informam, “mas não sei escrever um projeto”, ou “tenho dificuldade em ….”. Não é exagero, mas a resposta pode ser muito mais simples do que você imagina: Leia o edital! Nele consta o processo, os prazos e, em algumas vezes, disponibiliza modelos dos documentos que você deve preencher e submeter.
Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação pode ser executado por qualquer empresa, independente de seu porte ou segmento de negócio.
Inovação tem um conceito muito objetivo. O Manual de Oslo define, “Implementação de um produto, bem ou serviço novo ou significativamente melhorado, ou um processo, ou um novo método de marketing, ou um novo método organizacional nas práticas de negócios, na organização do local de trabalho ou nas relações externas.” Em outras palavras é fazer a mesma coisa de um jeito diferente. Diferente, para melhor. Isto é, com custo reduzido, ou com adaptação da solução para outros problemas além daquele proposto, redução de tempo e custo no projeto, na fabricação e/ou na aplicação.
Vamos pegar o comércio de varejo como exemplo. Uma loja de bairro de venda de roupas e assessórios, cujo o empreendedor ou empreendedora possui um registro de Microempreendedor individual (MEI). A partir do segundo mês, já temos histórico de venda produto e de compra de insumos. Podemos ter o perfil de clientes, horários de maior e menor movimento, relação de dúvidas e feedbacks. A partir de agora é trabalhar esses dados. Transformá-los em informação! Traçar perfil de clientes e correlacionar com dias de chuva ou de sol, com algum evento no Bairro, na sua região, estado ou país. Identificar e avaliar, com informação, o que levou ao aumento e diminuição das suas vendas naquele período.
Já sei, não dá tempo!!! O Empreendedor ou empreendedora deve se preocupar com os boletos, compras, agradar aos clientes e vender. É verdade, costumamos falar que a solução do dia-a-dia é resolvido pela equipe, ou “Eu-quipe”. Realmente empreender não é nada fácil. Para se ter sucesso você, empreendedor, tem que desenvolver três aspectos: administrar, desenvolver e vender. E, como sabemos a vida de empreendedor pode ser um tanto solitária (nenhuma relação com solidão), isto é: o “Eu-quipe”.
Neste caso, não há receita de bolo. Você pode contratar uma consultoria de negócios, você pode se conectar com o SEBRAE, ler livros e apostilas, participar de consultorias gratuitas. Todas são ótimas iniciativas e funcionam, desde que haja comprometimento e competência de sua parte. O mercado não espera, As pessoas não querem saber, mas querem comprar.
Em uma sociedade que se espera obter recursos governamentais para seu empreendimento, para sua saúde, aposentadoria e afins, a educação financeira é pouco conhecida. Faça as contas! Identifique, relacione e separe o que é custo fixo, variável, fundo de reserva, investimento e bonificação. Defina as prioridades e as porcentagens. 
Há anos, temos visto que “na próxima década a Inteligência Artificial substituirá empregos”. Então, mexa-se. Elabore o problema que você quer resolver, escreva, avalie e participe. 
No exemplo acima, correlacionar as vendas com estação do ano ou eventos de seu bairro, região, estado ou país lhe proporcionará informação incríveis a partir de dados que você já possui. Um algoritmo, ou programa de computador personalizado com técnicas de inteligência artificial pode ser utilizado para que você encontre a melhor solução para o seu problema formulado. E você não precisa de entender nada de computação. Aí é que entra o especialista, cientista ou consultor que você pode contratar mediante editais de fomento públicos.

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!